A força do tridente

Maserati Quattroporte 059

Maserati lança a sexta geração do Quattroporte, que tem motor produzido pela Ferrari

Texto: Edimarcio Augusto Monteiro | Test Rider

O novo Quattroporte é a principal novidade da Maserati no Salão de Detroit (EUA). A sexta geração ganha novo design, plataforma, novas opções de motor e equipamentos. É mais um mode-lo que se beneficia da união da italiana Fiat e da norte-americana Chrysler. O sedã passa a usar o chassi modificado do Chrysler 300, ficando maior para oferecer mais conforto para os ocupantes. Ele mede agora 5.263 milímetros de comprimento (um ganho de 163 mm), 1.948 de largura (+64mm) e 3.170 mm de distância entreeixos (um aumento de 106,7 mm), resultando em mais espaço para os passageiros do banco de trás e porta-malas, que passa a ter capacidade para 530 litros.

O Quattroporte também ficou mais leve, sendo quase 100 quilos mais leve do que o anterior, com a redução sendo obtida com o uso de novos materiais. As quatro portas, capota, paralamas e tampa do porta-malas, por exemplo, são feitos de alumínio. A suspensão também é nova, sendo de duplo braço triangular na frente e multilink na traseira.

Coração

Outra novidade é que sob o capô do Quattroporte agora bate um coração da Ferrari, que deixa de ser uma fabricante de superesportivos para se tornar também uma fornecedores de motores para os modelos premium do Grupo Fiat. O sedã ganha dois novos propulsores, um V8 de 3.8 litros e um V6 3.0, ambos biturbo e produzidos pela Ferrari. O câmbio é automático de oito velocidades, substituindo o de seis marchas que era usado, que transmite a força do bloco para as rodas traseiras.

O bloco V6 vem combinado com sistema de tração integral, entregando 404 cv de potência e 550 Nm de torque. Ele leva o carro de 0 a 100 em 4,9 segundos e velocidade máxima de 285 km. O V8 produz 523 cv e 710 Nm de torque, fazendo o sprint em 4,7 segundos e a velocidade máxima chega aos 307 km/h. Esse motor faz do Quattroporte o modelo mais rápido e poderoso já feito pela Maserati.

Tecnologia

O sedã premium se renova para brigar com modelos como o Mercedes-Benz Classe S, BMW Série 7, Jaguar XJ e Porsche Panamera. Para garantir uma boa dirigibilidade, ele mantém o perfeito equilíbrio de peso 50:50 entre a frente e a parte traseira. De acordo com a Maserati, apesar de ser mais potente, o novo V8 reduz em 20% o consumo em relação ao modelo anterior, com média de 8,5 km/l.

O Quattroporte conta ainda com novos recursos de tecnologia, como nova tela sensível ao toque (touch screen), pedais ajustáveis, internet sem fio e, como opcional, sistema de som Bowers & Wilkins.

Maserati Quattroporte 055

 

Clique aqui para ver a galeria de fotos e vídeo do Quattroporte

Clique aqui para ver um vídeo da fase de testes do Quattroporte

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *