Superlativos

superesportivos

Ferrari, Lamborghini e McLaren apresentam modelos que impressionam pelos números – inclusive o preço

Texto: Edimarcio Augusto Monteiro | Test Rider

O Salão de Genebra foi marcado pelo lançamento de três superesportivos que incorporam o que há de mais moderno na tecnologia automotiva. Lamborghini Veneno, Ferrari LaFerrari e McLaren P1 têm em comum alto desempenho, design arrojado e são para poucos, muito poucos.

O Veneno é uma edição limitada a três unidades – todas já vendidas – para marcar os 50 anos da marca italiana. É o modelo mais rápido já feito pela casa de Sant’Agata Bolognese. Ele traz um motor V12 de 6.5 litros, que entrega 740 cv, acoplado a um câmbio manual robotizado de sete velocidades. O superesportivo chega aos 354 km/h de velocidade máxima. O visual agressivo é marcado pelo enorme aerofólio, com a carroceria tendo várias partes de fibra de carbono.

Ferrari

O novo esportivo top de linha da Ferrari se chama LaFerrari, que é a essência de tudo o que já foi criado até hoje pelo Cavallino Rampante. O modelo híbrido tem motor a gasolina V12 de 6.3 litros associado a um sistema de recuperação de energia gerada na frenagem (KERS), que entregam em conjunto 912 cv de potência. O chassi é de fibra de carbono. O modelo faz 0-100 em torno de 3 segundos, e leva 15,5 segundos para chegar aos 300 km. A velocidade máxima não foi divulgada, mas é superior a 350 km/h. A posição de dirigir teve consultoria dos pilotos de Fórmula 1 Fernando Alonso e Felipe Massa. O superesportivo tem um sofisticado sistema para melhorar a aerodinâmica que funciona automaticamente de acordo com a velocidade, como difusores móveis e uma asa embaixo do carro. Apenas 499 unidades serão produzidas, mas a empresa já tem mais de mil interessados em pagar 1,3 milhão de euros (R$ 3,34 milhões) pelo carro.

McLaren P1

O McLaren P1 também é um modelo híbrido. Associa um motor V8 biturbo de 3.8 litros e outro elétrico, que entregam 915 cv de potência e 91,80 kgf.m de torque. O modelo tem linhas limpas e um coeficiente aerodinâmico (Cx) de 0,34 e conta com aerofólio ativo, que pode diminuir ou aumentar a downforce de acordo com a velocidade, podendo chegar a 600 quilos. O chassi é de fibra de carbono, com o mesmo nível de rigidez e de segurança de um carro de Fórmula 1.

O modelo faz 0-100 em menos de 3 segundos e chega aos 351 km/h de velocidade máxima. O interior é inspirado em jatos de caça e tem equipamentos mínimos para reduzir o peso ao máximo, sem abrir mão de conforto. Apenas 375 unidades serão produzidas, com as primeiras entregas começando no final deste ano.

Clique aqui e veja a galeria de fotos do Lamborghini Veneno

Clique aqui e veja a galeria de fotos e vídeos da Ferrari LaFerrari

Clique aqui e veja a galeria de fotos da McLaren P1

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *