Após 57 anos, Minerva retorna com um esportivo híbrido

Após 57 anos desativada, a fabricante belga Minerva está de volta e apesenta o esportivo híbrido JM Brabazon, nome em homenagem a um piloto britânico. O carro tem chassi de kevlar e fibra de carbono e monocoque de fibra de carbono. É alimentado por um motor a gasolina biturbo V12 e outros dois motores elétricos nas rodas dianteiras, acoplados um câmbio sequencial de seis velocidade de Fórmula 1. Com uma relação peso/potência 1:1, o modelo tem velocidade final  estimada em mais de 400 quilômetros por hora. A montadora não deu detalhes de desempenho e nem divulgou uma data para o início das vendas. Disse apenas que o carro será apresentado como protótipo em breve.

Agora um pouco de história. A Minerva foi fundada pelo holandês Sylvain De Jogn, que já produzia bicicletas e motocicletas. Ela foi famosa por fabricar carros de luxo. Durante a Segunda Grande Guerra, fez veículos militares para combater os alemães. Depois de produzir mais de 50 mil automóveis de luxo, ela encerrou as atividades em 1956.

Minerva JM Brabazon 008 Minerva JM Brabazon 007 Minerva JM Brabazon 006 Minerva JM Brabazon 005 Minerva JM Brabazon 004 Minerva JM Brabazon 003 Minerva JM Brabazon 002 Minerva JM Brabazon 001

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *