Ducati lança Monster e Panigale no Brasil (fotos e vídeos)

No mesmo dia em que foi inaugurada em Campinas (SP) – leia mais aqui – a maior concessionária exclusiva da marca no mundo, a Ducati fez o lançamento oficial no Brasil de duas motos, a Monster 796 e a Panigale. A Monster é montada em Manaus (AM) e é o modelo de entrada da marca italiana, com preço sugerido de R$ 37.900. A naked tem motor de dois cilindros e 803 cilindradas, com injeção eletrônica e que entrega 87 cavalos de potência e 7,95 kgf.m de torque. O câmbio é de seis marchas. A moto tem chassi do tipo treliça feito de aço tubular e balança tipo monobraço e freio com disco duplo na dianteira, com ABS (sistema antitravamento) de série.

Já a Panigale é o modelo mais caro da marca no País, chegando a R$ 114.900. Como curiosidade, o piloto de Fórmula 1 Jenson Button tem uma. A moto é equipada com o motor de dois cilindros mais potente já fabricado em série, 195 cavalos. A esportiva possui ABS, controle de tração, suspensões com ajustes eletrônicos, acelerador eletrônico, controle de freio motor e quick-shift — sistema que otimiza as trocas de marchas. Seu chassi é do tipo monocoque. Diversos componentes da Panigale são derivados das motos de competição da Ducati. Os preços sugeridos no Brasil são:

Montadas no Brasil

  • Monster 796: R$ 37.900
  • Diavel Black: R$ 58.900
  • Diavel Cromo: R$ 63.900
  • Diavel Carbon: R$ 69.9

Importadas

  • Streetfighter: R$ 52.900
  • Multistrada ABS: R$ 67.900
  • Multistrada Touring: R$ 79.900
  • Multistrada Pike Peak: R$ 89.900
  • Panigale ABS: R$ 79.900
  • Panigale S: R$ 94.900
  • Panigale Tricolore: R$ 102.900
  • Panigale R: R$ 114.900

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *