Dono volta a destruir BMW M6 em protesto (vídeo)

O iraniano Pormoseni Hadi, morador na Itália, destruiu a marretadas um BMW M6, de 120 mil euros (cerca de R$ 391mil), em frente à entrada do Salão de Genebra, na Suíça, por estar descontente com o serviço de pós-venda da marca. Ele já havia feito isso em setembro passado, no Salão de Frankfurt, na Alemanha. Mandou arrumar o veículo e repetiu tudo de novo, cumprindo a promessa que havia feito na época. Hadi diz ter comprado o M6 top de linha, que apresentou uma série de problemas graves, como vibrações no interior, ruídos no motor e no câmbio. Procurou várias concessionárias da BMW na Itália, mas ninguém resolveu as falhas. O cliente diz ter enviado cartas à sede da montadora em Munique e ninguém o ajudou.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *