Peças de moto terão de ter selo do Inmetro

As peças de motocicletas fabricadas no Brasil ou importadas terão de ter selo de qualidade do Inmetro (Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia) a partir de 19 de março de 2016. De acordo com a portaria que estabelece a obrigatoriedade (leia aqui na íntegra), as empresas têm até setembro de 2015 para certificar os produtos. A medida vale para as correntes de transmissão, coroas, pinhões e escapamentos vendidos no varejo como peças de reposição também para motonetas, ciclomotores, triciclos e quadriciclos. As lojas têm até 19 de março de 2017 para vender os itens sem certificação que estão em estoque. De acordo com o governo, a exigência é para tirar do mercado as peças que não atendem os requisitos mínimos de segurança. As empresa e lojas que desrespeitarem a medida poderão ser multadas entre R$ 100 e R$ 1,5 milhão.

Honda CBR 500R

Honda CBR 500R

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *