McLaren confirma carro de corrida baseado no P1

A McLaren anunciou que produzirá uma versão de corrida mais potente do P1, que estará disponível apenas para os 375 clientes que compraram o superesportivo híbrido. Ela revelou nesta sexta-feira (13) os primeiros esboços do carro, que terá 1.000 cavalos de potência, o mais potente já produzido pela fabricante inglesa e será vendido por 1,98 milhão de libras (R$ 7,52 milhões). O P1 GTR, como foi batizado, terá uma produção limitada, que começará após as 375 unidades da versão de rua do P1 terem sido entregues.

O nome é uma homenagem o icônico F1 GTR, que neste final de semana faz 19 anos de sua vitória nas 24 horas de Le Mans. De acordo com a McLaren, O P1 terá “maiores níveis de desempenho, aderência, aerodinâmica e downforce” do que o carro standard. O carro terá pneus lisos de competição, ser mais leve ao perder vários itens de conforto, suspensão revisada e ajustes para melhorar o desempenho nas pistas.

McLaren P1 GTR 001.1

O motor V8 biturbo de 3.8 litros e o motor elétrico também receberão ajustes para aumentar a potência original de 915 cavalos. O P1 GTR deverá bater fácil o tempo de 2,8 segundos que o irmão de rua leva para fazer 0-100 km/h. O comprador do carro poderá ser treinado por pilotos de Fórmula 1 da McLaren e ter acesso aos simulador de F1 da equipe, além de um mínimo de seis dias de corrida em circuito de Fórmula 1 em todo o mundo.

McLaren P1 GTR 003.1

1995 Le Mans 24 Hours

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *