União com a Mercedes decreta o fim do Aston Martin DB9

A Aston Martin confirmou que o DB9 (foto) sairá de linha em 2016. O modelo será o primeiro a dar lugar para um novo carro criado a partir da união com o grupo alemão Daimler, proprietário da Mercedes-Benz. O diretor de Design da Aston Martin, Marek Reichman, declarou à revista britânica Autocar que o substituto, que ainda não tem um nome definido, terá uma plataforma de alumínio totalmente nova e será impulsionado por um motor V8 biturbo de 4.0 litros, com algo em torno de 510 cv, projetado e produzido pela Mercedes-AMG.

A potência será próxima dos 517 cv do V12 5.9 usado hoje, mas a principal diferença serão os 64,98 kgf.m de torque a apenas 1.750 rpm, contra os 63,18 kgf.m a 5.500 giros do propulsor atual. A AMG não vai fornecer um bloco sob medida para a marca inglesa, mas modificará seus motores para responder de acordo com as características que se esperam de um Aston Martin. O carro também será equipado com uma nova transmissão automática de nove velocidades fornecida pela Mercedes.

Aston Martin DB9 Carbon Black  001

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *