VW XL Sport: esportivo tem corpo de carro, coração de moto

A Volkswagen apresentou uma versão de alto desempenho do XL1 com motor de moto Ducati. É o XL Sport, apresentado em Paris e que marca o número de 200 milhões de veículos produzidos pela Volkswagen XL Sport Concept 007 destaqueempresa. Ele é alimentado por um motor de dois cilindros em V da fabricante italiana, o mais potente da categoria no mundo.

A Ducati faz parte do Grupo Volkswagen desde 2012, quando foi adquirida pela Audi. O propulsor é o equipa a 1199 Panigale Superleggera, que desenvolve 200 cavalos de potência e atinge a velocidade máxima de 269 km/h em 11.000 rpm. No XL Sport, ele está associado a um câmbio automático DSG de sete velocidades e leva o carro da inércia aos 100 km/h em 5,7 segundos.

Mudanças aerodinâmicas

O modelo tem semelhança com o ultraeconômico XL1, modelo híbrido que faz 111 km/l de diesel e que Volkswagen XL Sport Concept 017 destaqueteve uma produção limitada após ser apresentado em 2013. Mas o modelo de alto desempenho teve partes do projeto desenvolvidos do zero. O XL Sport pesa apenas 890 quilos e tem coeficiente aerodinâmico de 0,258. De acordo com a Volkswagen, esses fatores se combinam para tornar o carro mais rápido do mundo para a sua potência.

O modelo passou por uma série de mudanças aerodinâmicas, o que inclui entradas de ar nas caixas de rodas, parte inferior da carroceria otimizada e ganhou difusor de ar. Além disso, o protótipo é maior do que o XL1. Ele tem 4.291 milímetros de comprimento, 1.847 de largura, 1.152 de altura e distância entre eixos de 2.424mm.

Tecnologia

O aerofólio ativo usa a mesma tecnologia do Lamborghini Aventador. Ele tem também sistema de escape adaptativo, que abre e fecha automaticamente para controlar o calor do motor. O propulsor Volkswagen XL Sport Concept 001.1 destaquetambém é refrigerado através de aberturas na traseira. O chassi é feito de fibra de carbono e aço de alta resistência, enquanto a carroceria é de fibra de carbono, alumínio e CFRP (polímero reforçado com fibra de carbono). A suspensão é double wishbone na dianteira e traseira, mas os amortecedores trabalham em sentidos inversos.

As rodas são feitas de magnésio forjado, calçadas com pneus 205/40 R 18 na frente e 265/35 R18 atrás. Elas são 23,9 quilos mais leves do que se fossem de alumínio. O interior recebeu uma série de mudanças, com o XL Sport tendo painel de instrumentos digital, que indicam também tempo de volta e pressão do óleo. O painel é de fibra de carbono para eliminar reflexos do para-brisa. A Volkswagen não revelou se pretende produzir uma edição especial do carro.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *