Rolls-Royce Wraith chega como o carro mais caro do Brasil: R$ 3,3 mi

O Wraith, cupê com desempenho de esportivo da Rolls-Royce, é a partir desta terça-feira (7) o carro mais caro no Brasil. Ele começou a ser vendido com valor sugerido a partir de R$ 3,2 milhões, superando o Lamborghini Aventador, que parte de R$ 2,9 milhões. Lançado mundialmente no Salão de Genebra de 2013, é o modelo mais potente já produzido pela RR. Tem sob o capô um motor V12 biturbo de 6.6 litros, que desenvolve 632 cavalos potência de 81,57 kgf.m, acoplado a um câmbio automático ZF de oito velocidades, que transmite a força para as rodas traseiras.

Ele leva 4,6 segundos para ir da inércia aos 100 km/h e a velocidade máxima é limitada eletronicamente a 250 km/h. Em relação ao sedã Ghost, no qual é baseado, o Wraith é 1,3 centímetro mais curto, 4,3cm mais baixo e tem distância entreeixos 1,8 cm menor. O novo modelo tem 5.269 milímetros de comprimento, 1.947 de largura, 1.507 de altura e distância entreeixos de 3.112mm, transportando quatro pessoas com muito conforto.

O porta-malas tem capacidade de 470 litros, enquanto o tanque de combustível pode levar até 83 litros. Entre os itens de série no Brasil está o teto Starlight Headliner, que parecer ser “estrelado”, com 1.340 pontos de fibra óptica. A relação traz ainda head-up display, navegador com tela de 10,25 polegadas com comando de voz.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *