Europa torna obrigatório o controle de estabilidade. Veja como funciona

A União Europeia tornou obrigatório que todos os carros de passeio e veículos comerciais leves vendidos no Velho Continente sejam equipados com ESP (Programa de Controle de Estabilidade). É um equipamento extremamente importante de segurança que o motorista não percebe que existe, mas que garante a sua vida e dos outros passageiros. Ele entra em ação quando o carro derrapa sem controle, agindo para mantê-lo na pista. O ESP foi criado pela Bosch e o vídeo abaixo demonstra a diferença de como um veículo reage em uma situação de risco com e sem o sistema.

De acordo com estudos da fabricante, desde 2011, quando se tornou obrigatório nos Estados Unidos, o equipamento já impediu mais de 33 mil acidentes e salvou cerca de 1.000 vidas. A nova regra na União Europeia é para carros de passeio e veículos comerciais leves com peso bruto de até 3,5 toneladas, mas será estendida para todos os demais em 2015. Atualmente, 84% dos veículos novos comercializados na Europa já contam com o dispositivo.

O ESP tem sensores que analisa 25 vezes por segundo e veículo está se movendo na direção em que o motorista está dirigindo. Se detectar algo errado, entra em ação e reduz o torque binário do motor. Se não for suficiente, freia individualmente as rodas mantendo a força necessária para que o veículo siga em seu curso. O equipamento também é obrigatório no Canadá, Austrália e Israel. O Japão, Coreia do Sul, Turquia e Rússia também estudam implantar a obrigatoriedade nos próximos anos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *