Chrysler convoca recall para 4 modelos por 3 defeitos

A Chrysler convocou recalls de quatro modelos no Brasil por três tipos diferentes de falhas, que podem estar presentes em um total de 7.583 unidades vendidas das marcas Jeep, Dodge, RAM e Mopar. A primeira envolve o Jeep Grand Cherokee (foto) e o Dodge Durango, ano 2011 a 2014, por causa da fiação do quebra-sol. Segundo a fabricante, existe uma “remota” possibilidade de curto-circuito, se o veículo passou por reparos no forro do teto ou por cima, com risco de incêndio. As numerações de chassis variam de 1C4RDJDG0DC514993 a 1J4RR5GGXBC745606. Os proprietários devem procurar uma concessionária a partir do dia 28 de novembro para agendar o reparo.

A segunda convocação envolve também o Grand Cherokee de 2005 a 2007, além do Jeep Commander. Eles podem apresentar problema na ignição, com possibilidade de “giro” da chave não intencional, provocando perda de potência do motor, direção hidráulica, freios e airbags. A montadora ainda não desenvolveu uma solução para a falha, mas decidiu chamar os proprietários para verificação e orientação de como reduzir o risco de acidentes. Os donos devem procurar uma revendedora para fazer a checagem. Se for necessário, eles serão convocados novamente quando o reparo estiver disponível.

O terceiro recall envolve o Chrsyler Town & Country, devido à falha na fabricação do botão de acionamento dos vidros traseiros. Em 943 unidades da van, o botão de acionamento dos vidros elétricos traseiros (localizado na porta do motorista) pode pegar fogo, em caso de contato com umidade ou líquidos. Assim como o recall anterior, ainda não há peça de substituição. Os proprietários que agendarem a visita terão o componente desativado, o que levará cerca de 30 minutos. A montadora afirma que entrará em contato novamente quando tiver o componente para substituir o botão, que será ligado novamente.

Jeep Grand Cherokee 2011

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *