Conheça o ônibus movido a fezes (vídeo)

A busca por novas fontes renováveis de combustível entra num caminho pouco ortodoxo. Começou a ser testado na Grã-Bretanha um ônibus movido a fezes e lixo. É isso mesmo, não está errado.  O Bio-Bus está circulando entre o aeroporto de Bristol e a cidade de Bath, tem 40 lugares e o motor é movido com gás biometano, gerado a partir do tratamento de esgoto e lixo doméstico. O ônibus emite 30% menos dióxido de carbono em comparação a um veículo do mesmo porte movido a diesel.

De acordo com os cálculos, o lixo anual gerado por cinco pessoas é o suficiente para encher o tanque de gás do Bio-Bus, o que lhe garante uma autonomia de 300 km. Se preferir um parâmetro individual, o descarte anual do lixo de uma pessoa, levando em consideração o lixo orgânico e o esgoto, gera combustível para roda 60 km.

O gás biometano usado é gerado a partir do tratamento do esgoto de Bristol. Ele surge a partir da digestão anaeróbica das bactérias, quando esses microorganismos quebram a matéria orgânica em ambientes sem oxigênio. Para pode ser usado como combustível veicular, o dióxido de carbono é removido e é adicionado gás propano.

O Bio-Bus é um projeto da empresa Wessex Water, que é a primeira operadora desse tipo. O processo utilizado garante ainda um gás sem mau cheiro. Segundo os criadores, o custo de produção de biometano é semelhante ao investir na extração de petróleo.

Biobus 001

Biobus 002

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *