Produção de veículos tem pior desempenho em 5 anos

O Brasil fechou o ano de 2014 com o menor nível de produção de veículos desde 2009. As montadoras fabricaram 3,24 milhões de automóveis, comerciais leves, caminhões e ônibus no ano passado, uma queda de 15,3% em relação em 2013, de acordo com os dados divulgados, nesta quinta-feira (8), pela Anfavea (Associação Nacional dos Fabricantes de Veículos Automotores). Apesar de 2014 ter sido o quinto melhor ano do setor em toda sua história no país, a fabricação em dezembro teve queda de 23,1% em comparação com novembro e de 11,8% em relação ao mesmo mês de 2013.

O resultado negativo teve reflexos diretos na geração de empregos do setor, com queda de 7,9% e voltando para o mesmo patamar de 2011 (veja quadro abaixo). As quatro grandes montadoras nacionais – Fiat, Volkswagen, General Motors e Ford – foram as que mais sentiram a retração, todas com redução acima da média de 7% do setor. Juntas, elas perderam 2,6 pontos percentuais de participação de 2013 para 2014, mas mesmo assim foram responsáveis por 64,9% dos emplacamentos de veículos de janeiro a dezembro.

A Volkswagen foi a que sentiu a queda nas vendas, com redução de 13,5% nos emplacamentos e perdeu o segundo no ranking de vendas para a General Motors. A Fiat se mantém em primeira, com a Ford estabilizada no quarto lugar. Com a saída de produção da Kombi e do Gol Geração 4, a Volkswagen produziu 90 mil veículos a menos em comparação ao ano anterior.

A maior disputa ente as montadoras foi pela quinta posição, com a Renault e a Hyundai se alternando ao longo do ano. Fechados os números de 2014, a posição ficou com a Renault, que vendeu apenas 63 unidades a mais do que a Hyundai.  Embalada pelo sucesso do HB20, a marca sul-coreana foi a que mais cresceu em 2014, com aumento de 11,4% nas vendas em relação a 2013.

Queda na produção de veículos em 2014

 

Nível de emprego na indústria automobilística 2014

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *