Volvo vai testar 100 carros autônomos em condições reais de trânsito

A Volvo anunciou o início da segunda fase de testes com carros autônomos, que fazem parte do projeto Drive Me. Cem veículos serão usados em testes de uso real em rodovias ao redor da cidade de Gotemburgo, na Suécia. De acordo com a montadora, eles utilizam um “sistema de condução autônoma com preço viável”, que utiliza scanner a laser, quatro radares surround, dois radares de longo alcance, 12 sensores ultrassônicos e câmeras de vídeo. Os equipamentos estão integrados e um mapa digital em 3D, GPS e um radar e uma câmera instalados no para-brisa, que leem os sinais de trânsito e identificam o traçado da estada.

De acordo com a Volvo, o sistema foi concebido para ser confiável o suficiente para permitir que o motorista relaxe, não havendo a necessidade de que fique monitorando as manobras do carro. Ou seja, ele não nem precisa ficar no banco para que os passageiros cheguem com segurança ao destino. Segundo a montadora sueca, há um sistema de backup que vai garantir a pilotagem automática se parte do sistema falhar. “A probabilidade de uma falha no sistema de freio é muito pequena, mas um veículo autônomo precisa de um segundo dispositivo independente para frear o veículo e levá-lo a uma parada, pois é pouco provável que o motorista vai estar preparado para pressionar o pedal do freio “, diz a Volvo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *