General Motors põe o pé no freio na Rússia

A General Motors anunciou que reduzirá sua atuação no mercado russo até o final deste ano. Enetr as medidas está o fechamento da fábrica perto de São Petersburgo, o que resultará na demissão de mil funcionários. Na avaliação do grupo, as perspectivas do mercado na Rússia “não são boas”, a curto, médio e longo prazos.

A Opel, braço europeu da GM, encerrará as atividades no país até o final de 2015. A Chevrolet continuará operando, mas encerrará o acordo com a fabricante russa GAZ. A única que manterá as atividades inalteradas é a Cadillac. A economia da Rússia vem enfrentando grandes dificuldades por causa da guerra na Ucrânia, queda nos preços do barril de petróleo, forte alta do dólar, aumento dos preços dos veículos importados e também da inflação, que corrói o poder de compra dos consumidores.

Chevrolet Niva Concept 035

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *